outubro Rosa - FR Viagens e Turismo

  Outubro Rosa

O que é o “Outubro Rosa”?

O “Outubro Rosa” é um campanha realizada anualmente, como indica o próprio slogan, no mês de outubro. O objetivo primordial é realizar um alerta à sociedade sobre a importância de diagnosticar precocemente o câncer de mama.

Como objetivos indiretos da campanha estão a disseminação de informações sobre a prevenção do diagnóstico, a necessidade de priorizar o cuidado com a saúde em geral, e a luta pelo atendimento médico e psicológico de qualidade, que deve ser garantido à todo cidadão.

Durante todo este mês, inúmeras instituições, pertencentes aos mais variados segmentos econômicos, sociais e educacionais, realizam atos e divulgam campanhas com o intuito de encorajar as mulheres a realizarem os exames relacionados ao diagnóstico do câncer de mama, em alguns casos, disponibilizando estes gratuitamente.

A iniciativa é de suma importância pois já se sabe que, como a doença nos seus estágios iniciais é assintomática, quanto mais cedo for realizado o diagnóstico, maior a chance de cura da mulher acometida.

O Outubro Rosa pelo mundo:

O ato de iluminar ou colorir de rosa monumentos, prédios públicos, estádios, pontes, teatros, entre outros empreendimentos surgiu de forma espontânea em diversas cidades, nos mais diferentes países. Porém, não se sabe ao certo onde se iniciou esta prática. O mais importante é que representou de forma significativa o movimento, permitindo que as pessoas compreendessem e aceitassem de forma mais eficaz as mensagens de prevenção e combate ao câncer de mama que eram transmitidas.

 Muito por conta da facilidade em adaptar a leitura e identificação visual da campanha através das “iluminações” e “pinturas temáticas” na cor rosa, aliada a aceitação e compartilhamento das mensagens por artistas, políticos, esportistas e demais celebridades, rapidamente o Outubro Rosa se expandiu entre a população mundial.    

 Atualmente, o termo “Outubro Rosa”, assim denominado por conta da cor rosa do laço que simboliza a campanha, continua, de uma forma muito bonita e nobre, estimulando a participação da sociedade, empresas, entidades sem fins lucrativos e do poder público na prevenção e combate a esta doença que ceifa a vida de tantas mulheres há décadas.

O Outubro Rosa no Brasil:

Em terras brasileiras, o movimento teve sua primeira manifestação declarada em 2 de outubro de 2002, na cidade de São Paulo, onde o Obelisco Mausoléu ao Soldado Constitucionalista (Obelisco do Ibirapuera) apresentou uma iluminação na cor rosa em alusão à campanha.

 A iniciativa partiu de um grupo de mulheres, simpatizantes da causa de combate ao câncer de mama, em associação com uma multinacional de cosméticos.

 Quase 6 anos depois, em 2008, as iniciativas ganharam força e inúmeras organizações relacionadas ao combate ao câncer iluminaram suas instalações na cor rosa, passando a mensagem da importância da prevenção da doença.

 Válido ressaltar que, as campanhas de fomento à prevenção do câncer de mama ganharam tamanha dimensão, ao ponto do mês de outubro ficar “curto” para absorvê-las. Sendo assim, diversas manifestações tomaram corpo em outros meses, principalmente maio e novembro, ainda que adotem medidas semelhantes às propagadas no Outubro Rosa como: incentivo ao cuidado com a saúde em geral, protestos por atendimento médico e psicológico de qualidade e ações visando a prevenção e combate à doença.

 Tomando como exemplo, em maio de 2008 o Instituto Neo Mama de Prevenção e Combate ao Câncer de Mama, localizado na cidade de Santos, São Paulo, iluminou com a cor rosa a Fortaleza da Barra, homenageando as mães e, simultaneamente, chamando a atenção para o dia estadual de prevenção ao câncer de mama, celebrado em todo terceiro domingo do mês de maio. A intenção era incentivar as mulheres da baixada santista a comparecerem aos mutirões de mamografia, realizados sempre em maio e novembro naquele estado. A iluminação da Fortaleza chamou a atenção da imprensa nacional, conferindo grande publicidade à causa.   

 Em outubro do mesmo ano, várias entidades que promovem o combate ao câncer de mama iluminaram de rosa suas instalações e monumentos nas cidades em que estão sediadas. Municípios como São Paulo, Santos, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília, Salvador, Teresina e Poços de Caldas ficaram “iluminados” na cor tema do movimento. Igrejas, pontos turísticos, avenidas, entre outras construções importantes demonstraram sua adesão a causa.

 Simbolizando a magnitude da campanha, podemos citar que o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, mais importante monumento brasileiro, sendo aclamado como uma das 7 maravilhas do mundo moderno, também foi decorado com luzes em tons de rosa naquele outubro de 2008 e, desde então, “apareceu” desta forma neste mesmo mês, nos anos subsequentes.   

 Depois de 2008, em todos os anos diversas cidades brasileiras celebraram a chegada do mês de outubro “se colorindo” de rosa e chamando a atenção de toda a população, principalmente as mulheres, da importância do combate ao câncer de mama.           

Mas, o que é o câncer de mama?

Sem o objetivo de fornecer uma caracterização mais técnica da doença, o câncer de mama, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA) pode ser definido com um tumor maligno que atinge o tecido mamário, sendo um dos tipos de câncer que mais acomete as mulheres brasileiras.

O desenvolvimento dele se dá após a ocorrência de uma alteração de trechos das moléculas de DNA, facilitando a multiplicação das células anormais que possibilitam o surgimento do cisto.

E por que prevenir?

Em geral, o antigo ditado se adequa perfeitamente ao caso: “É melhor prevenir do que remediar!”

Tratando mais especificamente da situação, o diagnóstico precoce do câncer de mama chega a aumentar as chances de cura em 95%.  Para isto, a mamografia é um exame indispensável, pois é o principal método de identificação e rastreamento da doença.

O incentivo constante para que se realize mamografias se faz necessário pois, segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM), em um ano menos de 30% dos exames previstos são efetivamente realizados no Brasil. Esta situação é preocupante pois a quantidade diminuta de exames realizados configura um fator de risco significativo para milhões de mulheres.

 

 

E você? Já realizou ou orientou um familiar ou uma amiga a realizar a mamografia neste mês? Entre com a FR Viagens e Turismo* nesta campanha de incentivo à prevenção e combate ao câncer de mama no Brasil e no mundo.

*Este artigo não possui o objetivo de esclarecer cientificamente dúvidas sobre a doença e/ou seu diagnóstico, se tratando apenas de um conteúdo informativo. A FR Viagens e Turismo se orgulha de fazer parte desta campanha em prol da saúde das mulheres.